MANCHETE
print this page
OUTRAS NOTÍCIAS

Concurso para Prefeitura de Jucurutu - RN

No estado do Rio Grande do Norte, a Prefeitura Municipal de Jucurutu, publicou edital de concurso público que servirá para preencher 307 vagas em diversos cargos de nível superior, médio e fundamental. Os salários oferecidos pela administração variam de acordo com o cargo e a jornada de trabalho, entre R$ 724,00 e R$ 10.000,00.

O concurso será coordenado e executado pelo Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O edital reserva 5% das vagas para os candidatos portadores de deficiência.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, através do endereço eletrônico www.comperve.ufrn.br a partir das 8h do dia 22 de setembro às 23h59min do dia 13 de outubro de 2014. A taxa de inscrição varia de R$ 60,00 para cargos de nível fundamental, R$ 80,00 para os de nível médio e técnico e R$ 100,00 para nível superior.

Para cargos de nível fundamental, são ofertadas vagas para Agente Comunitário de Combate as Endemias, Agente Comunitário de Saúde, Motorista "B", Motorista "D", Operador de Motoniveladora, Operador de Retroescavadeira e Operador de Trator de Pneu.

Já os candidatos de nível médio e/ou técnico poderão tentar empregos de Agente de Abordagem, Agente Social, Atendente de Farmácia, Auxiliar Administrativo, Auxiliar de Saúde Bucal, Bibliotecário, Coordenador Administrativo, Cuidador de Criança com Necessidades Especiais, Cuidador de Criança - Ensino Infantil, Digitador, Fiscal de Tributos, Fiscal Sanitário Técnico, Maestro, Recepcionista, Técnico Agrícola, Técnico em Análises Clinicas, Técnico em Enfermagem, Técnico em Gestão de Recursos Humanos e Técnico em Radiologia.

Já para profissionais de nível superior, as chances são de Advogado, Assistente Social, Biólogo, Bioquímico, Coordenador Pedagógico, Enfermeiro ESF, Engenheiro Agrônomo, Engenheiro Civil, Farmacêutico, Fiscal Sanitário Enfermeiro, Fiscal Sanitário Farmacêutico/Bioquímico, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, Gestor Ambiental, Inspetor Escolar, Médico Ginecologista, Médico ESF, Médico Veterinário, Nutricionista, Odontólogo, Orientador Social, Pedagogo, Professor para Atendimento Educacional Especializado, Professor de Língua Inglesa, Professor de Ciências da Natureza, Professor de Educação Física, Professor de Geografia, Professor de Língua Portuguesa, Professor de Matemática, Professor de História/Cultura, Professor Polivalente do Ensino Fundamental, Professor Polivalente do Ensino Infantil, Psicólogo, Psicopedagogo, Psiquiatra, Terapeuta Ocupacional e Zootecnista.

O concurso constará de provas objetivas, aplicadas a todos os cargos, além de prova prática para algumas funções e prova de títulos para empregos de nível superior. As provas serão aplicadas provavelmente no dia 02 de novembro de 2014, no município de Jucurutu, em local a ser divulgado no site da Comperve, a partir do dia 28 de outubro de 2014.

Os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas serão divulgados uma hora após o término das provas. O concurso será válido por 02 anos, podendo ser prorrogável uma única vez por igual período.

O edital foi divulgado no Diário Oficial dos Municípios do Rio Grande do Norte do dia 2 de setembro de 2014, entre as páginas 102 e 112.

Fonte: Concursos no Brasil

EM SÃO MAMEDE, EX-PRESIDIÁRIO ADENTRA EM FARMÁCIA E AMEAÇA FUNCIONÁRIA. CONFIRA!!

Por volta das 09h:40min desta segunda, 01/09, o Destacamento da Polícia Militar em São Mamede foi acionado através do TeleCidadão pela solicitante e vítima Luana Nóbrega a comparecer na Farmácia ValmirPharma. Relatou Luana, que o ex-presidiário Adriano Pereira, conhecido na cidade por "Boy", adentrou no estabelecimento e queria que a vítima lhe entregasse uma caixa de um medicamento de nome Rivotril. Sendo tal medicamento  de uso controlado e pelo fato do acusado não possuir receita médica, a vítima se negou a entregar. Daí então "boy" passou a intimidar a vítima falando em tom ameaçador: "sou ex-presidiário, quero o remédio de todo jeito, vou ao mercado  e quando voltar pegarei o remédio". 

A vítima aproveitou o ensejo e de imediato acionou a PM, que por sua vez fez diligências e conseguiu prender o acusado. O mesmo foi entregue a Polícia Civil para que fossem tomadas as providências cabíveis.

Entrevistado pela nossa equipe, um dos Policiais fez a seguinte afirmação:

"Boy é velho conhecido do destacamento local. Já atendemos inúmeras ocorrências onde ele era o acusado. Já perdemos a conta de quantos procedimentos já foram feitos contra ele." 

Fonte: Cidade em QAP

VÁRZEA: Alunos da Escola Municipal Sandoval Rubens de Figueiredo conquistam 13 medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica

O Município de Várzea e toda a comunidade escolar amanheceu hoje , dia 02 de setembro de 2014, com um motivo a mais para comemorar sobre as conquistas na Educação, isso, por causa do resultado da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica – OBA 2014, que na sua XVII Olimpíada, trouxe para o Município 13 (treze) medalhas, sendo 02 ouros( Álvaro Rocha e Iana Isla), 04 pratas( Kaynnan Luiz, Livia Silva, Lohainne Maria e Monise) e 07 bronze( Erica Ludovico, João Batista Souza, José Venãncio, Messias Lucena, Raysa Hélia, Rian Mateus e Samara Cínthia)

A OBA é uma olímpiada realizada em todo o território nacional, nas escolas que adotam e a mesma tem parceria com a Agência Espacial Brasileira, Eletrobrás e Furnas.

FONTE: BLOG JEFTE NEWS

Falta efetivo nas delegacias da Paraíba

Em dezembro do ano passado, a portaria n.º 634/2013/SEDS, publicada no Diário Oficial do Estado, trouxe um Ato Administrativo que determinou que 33 delegacias não funcionassem mais em regime de plantão extraordinário, pois esse passaria a ser centralizado em 10 delegacias do Estado – Delegacias Distritais (hoje em Mangabeira e Manaíra), Delegacia da Infância e Juventude, Delegacia da Mulher, Roubos e Furtos, Homicídios, 7ª DD (Cabedelo), 6ª DD (Santa Rita), além das delegacias do Conde e de Mamanguape.

Entre as justificativas para a decisão estavam a escassez do efetivo policial e a necessidade de melhor atender à população. Quase nove meses depois dessa decisão, no último dia 20, o juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior, titular da 4ª Vara da Fazenda Pública de João Pessoa, expediu uma liminar determinando que providências fossem adotadas para a volta do funcionamento dos plantões extraordinários em sete delegacias da capital que só funcionavam em dias úteis. A ação foi promovida por uma Ação Popular contra o Ato Administrativo do Estado que regulamentou plantões extraordinários 

No entanto, no último sábado essa liminar foi suspensa pelo desembargador Romero Marcelo da Fonseca Oliveira, que entendeu que a decisão do juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior interferia no que está dentro dos limites legais da administração pública. Segundo a decisão judicial emitida pelo desembargador, a liminar “impede de planejar e proceder a adequada definição da forma como os serviços devem ser prestados [por parte da administração pública”.

A reportagem entrou em contato com o juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior, responsável pela expedição da primeira liminar, para comentar acerca da decisão do Tribunal de Justiça, porém o juiz se limitou a dizer que ainda não está ciente dessa decisão oficialmente. O magistrado lembrou ainda que por ser essa uma decisão superior, ele não poderá tomar nenhuma providência.

O secretário de Segurança Pública do Estado, Cláudio Lima, por sua vez, não confirmou a falta de efetivo nas delegacias e preferiu não comentar o assunto.

POPULAÇÃO RECLAMA DE PLANTÕES CENTRALIZADOS
Moradores de João Pessoa estão insatisfeitos após decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) que suspendeu uma liminar que determinava o retorno do funcionamento de plantões extraordinários – noturnos e aos fins de semana – de sete delegacias de polícia da capital. Quem mora perto dessas instituições se sente desprotegido e acredita que isso incita a subnotificação de casos de violência. O secretário de Segurança do Estado, Cláudio Lima, por sua vez, disse que o funcionamento centralizado de delegacias atende plenamente às demandas da população.

A aposentada Maria Neuza Dantas, de 62 anos, que mora em frente à 4ª Delegacia Distrital, no bairro do Geisel, relembra como eram os tempos quando a delegacia funcionava aos finais de semana e feriados. “Aqui era tranquilo, se brincar, eu podia ficar de portas abertas. Mas, depois que a delegacia fechou, entraram na minha casa e roubaram meu botijão de gás e umas roupas que estavam no varal. Agora, passou das 18h eu não abro a porta para mais ninguém”, declarou.

Segundo a aposentada, ela não é a única a perceber com tristeza essa ausência do funcionamento dos plantões noturnos e de fim de semana. Com o fechamento, muitas pessoas que são vítimas de ocorrências nas redondezas deixam os crimes subnotificados, o que faz com que os números de redução de violência, constantemente divulgados pelos órgãos públicos, reflitam informações não reais. “Ah, aqui se tiver alguma coisa a gente tem que ir para o Centro, é longe. Eu conheço uma mulher que foi assaltada aqui em frente, mas tava tudo fechado, então ela desistiu e foi embora. Isso é muito comum”, disse a aposentada.

O aposentado Francisco de Sousa, de 76 anos, que mora há 32 anos na mesma rua, acredita que se a delegacia ficasse aberta, o sentimento de segurança voltaria a reinar, como era em outros tempos. “Aqui já não é tranquilo há muito tempo. Eu mesmo vejo que esses bandidos não respeitam mais nem a polícia, imagine nós. E ainda mais assim, sem esse resguardo por parte da polícia. Eu acho que devia voltar a funcionar”, comentou.

Na Avenida Cruz das Armas, no bairro de mesmo nome, fica outra delegacia que também não funciona nem à noite nem nos fins de semana, a 1ª DD. Para o autônomo Marcelo do Nascimento, de 40 anos, que mora no bairro, a insegurança faz parte da rotina de moradores. “Quando o povo está trabalhando aí, a gente se sente mais seguro, mas aqui é muito perigoso, no horário em que fecha é quando mais tem coisa por aqui. Estou cansado de ver gente procurando a delegacia e ela fechada. A gente vive inseguro”, lamentou.

Para o comerciante Cleber Lima, de 42 anos, que trabalha ao lado da delegacia há oito anos, a situação é a mesma. Ele relatou que diversas pessoas também desistem de notificar quando não veem o apoio da delegacia aberta 24h. “Aqui a gente já se sente vulnerável com a delegacia aberta, imagine fechada. Estou cansado de ver gente deixar de lado, desistir de fazer um boletim de ocorrência porque tinha que ir para locais distantes”, afirmou.

Segundo o secretário de Segurança Pública do Estado, Cláudio Lima, não há prejuízo para a população com esses plantões centralizados. “É importante frisar que as delegacias não fecharam, o que aconteceu foi a centralização dos plantões. Nós também abrimos o atendimento da Delegacia da Mulher, Homicídios, Roubos e Furtos, Infância e Juventude, além disso, temos a Delegacia Online para o registro de pequenas ocorrências”, explicou.

O secretário disse que a população não pode deixar de informar os casos à polícia e, para isso, a Polícia Militar está a postos para ser acionada em casos de alguma ocorrência. “Para pequenas ocorrências, tem a Delegacia Online, e, em outros casos, a Polícia Militar é acionada e leva a vítima até as delegacias. Essa situação de polos de plantão funciona em Recife, Natal, no Brasil inteiro, por que não funcionaria aqui?”, completou.

Fonte: Jornal da Paraiba

Quatro novas empresas devem se instalar na Paraíba

A Paraíba irá receber quatro novas indústrias a partir do próximo ano. Na manhã de ontem, o governador Ricardo Coutinho assinou um protocolo de intenções junto às empresas Magna Estaleiros, Zcros Tratamento de Resíduos, Smartpack e Anjos colchões. Duas serão instaladas em Caaporã, no polo industrial que ainda está em fase de construção. A solenidade aconteceu no auditório do Centro de Convenções Poeta Ronaldo Cunha Lima.

Além dessas empresas, outras nove tiveram os incentivos fiscais obtidos junto ao Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Industrial da Paraíba (Fain) confirmados. As unidades serão instaladas nos municípios de Pombal, Junco do Seridó, Mamanguape, Gurinhém, Conde, Alhandra e Cabedelo. As empresas beneficiadas foram a Empresa de Beneficiamento e Comércio de Caulim (EBC), Cerâmica Planalto, Dmais Importação e Exportação de Alimentos, Elizabeth Cimentos, Elizabeth Mineração, LM Came Indústria e Comércio, Compecc Engenharia, Parpel Indústria e Comércio de Produtos de Papel e a microempresa Clidemberg Brito de Farias.

O sócio-diretor da LM Came, Davide Dellacqua, já havia assinado o protocolo de intenções em maio. A empresa teve o projeto aprovado e terá uma isenção de 75% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias (ICMS) para operar no polo de Caaporã. “O investimento previsto é de R$ 7 milhões, mas vai depender do andamento do mercado, sobretudo da fábrica da Fiat. Não trabalhamos com contrato fechado, apenas com concorrência. Temos que ser competitivos para atingir esses números de faturamento e investimento. A redução do ICMS vai dar essa competitividade que precisamos”, afirma.

“O incentivo fiscal é diferente para cada setor”, lembra o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico da Paraíba, Renato Feliciano. Ele destaca que outro fator que o Conselho Deliberativo do Fain considera na hora de conceder o benefício é o setor em que a empresa atua. “Se já temos um determinado setor atuando na Paraíba, como o calçadista, o incentivo para as empresas de outros setores que estão chegando não pode se sobrepor. Respeitamos o princípio da isonomia”, diz.

Apesar de conceder o benefício, o governo do Estado não tem um estudo sobre o impacto da renúncia fiscal para a atração das empresas. “Não há renúncia. Esse incentivo, que a lei permite, dá um crédito presumido que varia entre 74% e 85% para as empresas, dependendo da tipologia. O retorno em tributos e geração de empregos é muito alto, é uma lógica nacional. A quantidade de empresas dispostas a investir na Paraíba se multiplica a cada mês, temos uma lista imensa de novos negócios querendo vir para a Paraíba”, comemora. Sobre o polo industrial de Caaporã, Tatiana afirma que a primeira etapa da obra será concluída em novembro, com parte dos lotes prontos para a construção das plantas industriais.

Fonte: Eber Freitas-Jornal da Paraiba

Ricardo diz que o apoio de um deputado custa gratificação de R$ 300 mil; veja vídeo

O governador Ricardo Coutinho (PSB) afirmou que a saída de vários deputados estaduais de sua base política, na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), ocorreu porque ele não quis pagar um valor específico para que eles continuassem na bancada do Governo. Em comício realizado no município de Alhandra, na última quinta-feira (28), o socialista, que é candidato à reeleição, disse que o apoio de um parlamentar na Casa de Epitácio Pessoa lhe custaria o pagamento de R$ 300 mil em gratificações mensais.

“Se eu quisesse, eu colocaria uma ruma de deputados ali e garantia maioria na Assembleia, que hoje eu não tenho, com as mesmas práticas que os outros tinham de maioria. Mas, eu não vou pegar dinheiro do povo, pegar o dinheiro de vocês, das mães de família, pegar R$ 300 mil e dar de gratificação para um deputado ser de minha base”, disse Ricardo Coutinho.

O último desfalque na bancada de sustenção ao Governo na ALPB foi o deputado estadual Antônio Mineral, que retornou à base política do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), adversário na disputa ao Palácio da Redenção. Em contato com a imprensa nesta segunda-feira (1º), o governador deu a entender que a saída de Mineral não fará diferença em sua base eleitoral.

“Podem ir quantos quiserem que eu vou simplesmente, como eu tenho feito, dizer que o grande juiz disso será o povo no dia 5 de outubro. Para mim pouco interessa se eu tenho 8, 10 , 12 ou 36 deputados. O que interessa é o que eu estou fazendo pela Paraíba, moralizando a política e acreditando na necessidade da política ser o grande instrumento de transformação da sociedade. Você não pode ter a política para acomodar grupos políticos ou interesses pessoais”, disse o governador.

Veja o vídeo do discurso do governador em Alhandra:

“Balcão de negócios”
O governador Ricardo Coutinho ainda afirmou que a política “está mais promíscua” e que a transformaram “em um verdadeiro balcão de negócios”. “Eu não participo disso. Eu não faço o Estado participar disso”, disse.

O governador disse ainda que se quisesse, teria a maioria dos deputados estaduais na Assembleia Legislativa da Paraíba. “Toda a Paraíba sabe que se eu quisesse, hoje, eu mandava fazer uma fila e teria maioria dentro da Assembleia, mas com métodos que não seriam republicanos. Não seriam métodos da minha história, da minha vida e da minha consciência. Portanto, não me interessa isso. Se alguém foi, então foi e será julgado”.

Fonte: Ângelo Medeiros-WSCOM Online

Paraíba contabiliza redução de 1.691 policiais; 2,4 mil deixaram a PM

Enquanto os números da violência crescem na Paraíba, o de policiais é reduzido. Conforme dados de Relatório da Polícia, comparado com 2006, a Polícia Militar conta hoje com menos 1.395 policiais, enquanto a Polícia Civil registra 286 pessoas menos em seus quadros. Um total preocupante de evasão de 1.691 policiais. Além disso, há 411 sem função definida na corporação e outros 2.450 deixaram a PM por motivos diversos.

Em 2003, segundo os dados, a Paraíba contava com 1.021 policiais civis e 7.300 policiais militares.

Em matéria publicada no último dia 10 de agosto pelo jornal O Globo, a Paraíba foi apontada como o segundo Estado do País com maior aumento no número de assassinatos nos últimos anos, segundo pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

Segundo o levantamento do Fórum, a Paraíba registrou uma taxa de homicídios que chega 39,3 por 100 mil habitantes, em 2012. Um aumento de 61,73% na quantidade de homicídios registrados no Estado.

Fonte: Blog do Gordinho

Mais de 4,5 mil adultos estão obesos ou com excesso de peso na Paraíba

Mais de 4,5 mil adultos estão com excesso de peso ou obesos na Paraíba, segundo relatório sobre o estado nutricional dos indivíduos acompanhados nas unidades básicas de saúde do estado. Porém, esse número pode ser bem maior já que ele está dentro de um universo de apenas 7.342 pessoas que foram investigadas.

A obesidade é determinada pelo Índice de Massa Corporal (IMC) que é calculado dividindo-se o peso (em kg) pelo quadrado da altura (em metros). O resultado revela se o peso está dentro da faixa ideal, abaixo ou acima do desejado – revelando sobrepeso ou obesidade.

Como a obesidade é provocada por uma ingestão de energia que supera o gasto do organismo, a forma mais simples de tratamento é a adoção de um estilo de vida mais saudável, com menor ingestão de calorias e aumento das atividades físicas. Essa mudança não só provoca redução de peso e reversão da obesidade, como facilita a manutenção do quadro saudável.

Paraíba contabiliza redução de 1.691 policiais em três anos

Enquanto os números da violência crescem na Paraíba, o de policiais é reduzido. Conforme dados de Relatório da Polícia, comparado com 2006, a Polícia Militar conta hoje com menos 1.395 policiais, enquanto a Polícia Civil registra 286 pessoas menos em seus quadros. Um total preocupante de evasão de 1.691 policiais. Além disso, há 411 sem função definida na corporação e outros 2.450 deixaram a PM por motivos diversos.

Em 2003, segundo os dados, a Paraíba contava com 1.021 policiais civis e 7.300 policiais militares.

Em matéria publicada no último dia 10 de agosto pelo jornal O Globo, a Paraíba foi apontada como o segundo Estado do País com maior aumento no número de assassinatos nos últimos anos, segundo pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP).

Segundo o levantamento do Fórum, a Paraíba registrou uma taxa de homicídios que chega 39,3 por 100 mil habitantes, em 2012. Um aumento de 61,73% na quantidade de homicídios registrados no Estado.

Fonte: Blog do Gordinho

Cássio promete realizar concurso público para a área de Segurança Pública

Cássio promete realizar concurso público  para a área de Segurança PúblicaConcursos públicos para aumentar a frota, integração das forças de segurança, reforço no policiamento rural e escolar e a retomada das ações preventivas nas divisas do Estado, foram algumas das propostas apresentadas pelo candidato a governador Cássio Cunha Lima (PSDB), no programa eleitoral dessa segunda-feira (01/09).

Para Cássio, a redução dos índices de criminalidade na Paraíba só será possível com o enfrentamento direto das deficiências que o setor apresenta no momento. Uma dos mais graves é a redução que a tropa registrou nos últimos anos. Até o início de 2009, a Paraíba tinha 2.136 policiais civis e 10.539 policiais militares. Este ano, são apenas 1.850 policiais civis e 9.134 militares. "Vamos fazer concurso anualmente e convocar os aprovados. Segurança se faz com gente qualificada e treinada", garantiu.

Outra ação defendida por Cássio é a integração das Polícias. O candidato a governador tucano lembra que, à época em que governou a Paraíba, implantou o Gabinete Integrado de Segurança, uma experiência pioneira que serviu de exemplo para outros Estados e que foi desativado pela atual gestão. Cássio quer reativar esse mecanismo e atuar de forma integrada também com municípios e com a sociedade civil.

Cássio também vai reativar e modernizar a Operação Manzuá, para fortalecer o policiamento nas divisas do Estado, impedindo a entrada de drogas e que bandidos de Estados vizinhos venham à Paraíba cometer crimes.

Fonte: Assessoria

IBOPE/SENADO: Zé Maranhão tem 30%, Wilson Santiago 19% e Lucélio Cartaxo 14%

IBOPE/SENADO: Zé Maranhão tem 30%, Wilson Santiago 19% e  Lucélio Cartaxo 14%Na disputa para o Senado, o ex-governador José Maranhão, candidato do PMDB, está na liderança com 30% das intenções de voto, segundo os números da pesquisa Ibope, realizada de 28 a 31 de agosto. No segundo lugar aparece o candidato Wilson Santiago, do PTB, com 19% das intenções de voto.

Lucélio Cartaxo, candidato do PT, ocupa a terceira posição com 14%. Walter Brito, do PTC, está com 2% das intenções de voto, enquanto a candidata Professora Leila, do Pros, tem 1%. Os demais candidatos que concorrem ao Senado não pontuaram. A pesquisa mostrou ainda que 17% dos eleitores votariam branco ou nulo nas eleições, enquanto que 16% não sabem ou não responderam.

De acordo com a pesquisa, José Maranhão vai bem entre os eleitores do sexo masculino (32%), com mais de 55 anos de idade (36%), no universo dos mais pobres, com renda até 1 salário mínimo (33%), nos grupos do ensino fundamental (34%) e entre os de religião católica (32%). Por região, o candidato do PMDB está melhor colocado no Agreste, com 42% das in tenções de voto. O candidato Wilson Santiago tem melhor votação na região do Sertão, com 35% das intenções de voto. Já o candidato Lucélio Cartaxo se destaca no Litoral, com 27%.

Fonte: Jornal da Paraiba

Policia Ambiental de Caicó faz a maior apreensão de arribaçãs da história no Seridó

Uma denuncia anônima levou a policia ambiental de Caicó a apreender cerca de 25 mil caças (Arribaçãs) com um casal que vinha de Brejo do Cruz/PB para Natal/RN. 

O total de arribaçãs ultrapassa os 30 mil quilos, sendo essa a maior apreensão de aves dessa espécie feita na região do Seridó em todos os tempos.

O casal foi trazido até a delegacia regional junto com todo o material apreendido para ser devidamente enquadrado na forma da lei. O IBAMA também está sendo contactado para tomar ciente da situação.

Tão logo todos os procedimentos criminais sejam realizados junto a especializada, todos os detalhes da operação serão apresentados a imprensa para conhecimento público.

Fonte: Blog do 3º DPRE

Ibope aponta Cássio com 47% e Ricardo com 33%

Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (01/09) aponta Cássio Cunha Lima (PSDB) com 47% das intenções de voto para o governo da Paraíba. Ricardo Coutinho (PSB) aparece em segundo, com 33%, e Vital do Rêgo (PMDB) tem 4%. Major Fábio (PROS) tem 1% e os candidatos Tárcio Teixeira (PSOL) e Antonio Radical (PSTU) não chegaram a 1% dos votos. Brancos e nulos somam 8%, e 6% não responderam.

Esta é primeira pesquisa de intenção de voto feita pelo instituto sobre a eleição estadual após o registro das candidaturas. O levantamento foi contratado pelas TVs Cabo Branco e Paraíba.

O Ibope também pesquisou em quem os eleitores não votariam de jeito nenhum. O candidato Ricardo Coutinho tem a maior rejeição, 33%; seguido por Cássio Cássio Cunha Lima, com 23%; Vital do Rêgo, com 22%; Major Fábio, com 21%; Tárcio Teixeira, que tem 21%; e Antônio Radical, que tem 18%. Disseram que poderiam votar em todos 8% e 11% não sabe ou não respondeu.

A pesquisa foi realizada entre os dias 28 e 31 de agosto. Foram entrevistados 812 eleitores em 43 municípios do estado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levada em conta a margem de erro de 3 pontos para mais ou para menos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) sob o número 00022/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR- 00481/2014.

Fonte: Jornal da Paraiba

Ideia de renúncia, para apoiar Marina, ronda Aécio Neves

A ideia da renúncia seguida do apoio a Marina Silva ronda o candidato Aécio Neves, segundo reportagem exclusiva publicada no Valor Pro, serviço de notícias em tempo real do Valor. Seria a maneira de despachar o PT já no primeiro turno das eleições, sem correr o risco de uma eventual virada no segundo turno, algo que até hoje não ocorreu nas eleições, desde 1989, quando foi restabelecida a eleição direta para presidente da República.

Fonte: Valor Econômico

Secretaria de Saúde de Natal abre inscrições para 374 vagas temporárias

A Secretaria Municipal de Saúde de Natal inicia nesta segunda-feira (01/09) - e encerra na quarta (03/09) - as inscrições para o processo seletivo no qual estão sendo ofertadas 374 vagas temporárias para a Rede de Atenção à Saúde da cidade. As oportunidades são para os níveis fundamental, médio e superior. Os salários vão de R$ 966,67 a R$ 9.174,03. As inscrições podem ser feitas pelo site da Prefeitura de Natal (clique AQUI).

Após o preenchimento do formulário, os candidatos devem levar o documento no Centro de Ciências da Saúde da UFRN, localizado na Avenida General Gustavo de Farias, s/nº, de 4 a 10 de setembro, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h. A seleção será feita por meio de análise curricular.

No edital no site do Diário Oficial do Município - a partir da página 17 - é possível conferir as especialidades e quantidade de vagas para cada função (clique AQUI).

Fonte: G1RN
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB