MANCHETE
print this page
OUTRAS NOTÍCIAS

Facções usam Facebook para incitar crime na Paraíba

Fotos de armas, frases com conteúdos de apologia ao crime e ao uso de drogas, além de desenhos e ilustrações que remetem à violência são exemplos de conteúdos encontrados em perfis e grupos existentes nas redes sociais cujas pessoas se dizem pertencer a facções criminosas que atuam em João Pessoa e na Região Metropolitana da cidade.

Sem medo de punição, é na internet que os perfis atribuídos aos grupos 'Okaida' e 'Estados Unidos (EUA)' mostram os rostos e exibem fotografias de armas, bebidas alcoólicas e desenhos de monstros e cenas de atos de violência, como assassinatos. Na maioria dos perfis, as fotos aparecem acompanhadas por frases de incentivo ao crime.

Em pelo menos cinco páginas visualizadas pela reportagem, os participantes das contas, entre meninos e meninas, aparentam ser adolescentes. Conforme as informações disponibilizadas nos perfis e grupos, os usuários seriam dos municípios de Santa Rita, na Região Metropolitana, Mamanguape, no Litoral Norte, além dos bairros como Mandacaru, Torre e Alto do Mateus, na capital. Em uma das contas, os participantes mencionam a atuação do grupo em diferentes bairros das cidades e postam frases para amedrontar os rivais.

Entre os conteúdos de apologia ao crime, os responsáveis pelos perfis fazem publicações referentes à rivalidade entre a 'Okaida' e 'EUA', como o grupo 'Os Okaidaz', que conta com 262 membros. Entre os conteúdos divulgados, há fotos de adolescentes com uniforme escolar, armas, drogas e cenas de assassinato. Em outro perfil, como o 'Okaida da Silva', que conta com 61 membros, a fotografia principal é uma imagem de Osama bin Laden, líder e fundador do grupo terrorista “Al-Qaeda”.

A participação de meninas nos perfis e grupos atribuídos às facções também é frequente e, além de expor o rosto, as garotas também postam fotografias usando roupa íntima e os conteúdos postados sugerem atos de violência e rivalidade entre a outra facção.

A existência desses perfis nas redes sociais é de conhecimento dos conselheiros tutelares, que também acompanham de perto a realidade dos adolescentes envolvidos na criminalidade. Um dos responsáveis pelo Conselho Tutelar da Região Norte de João Pessoa, Luiz Brilhante afirma que muitos dos perfis criados são verdadeiros e que os adolescentes utilizam a internet para a comunicação entre os grupos.

“A gente sempre acompanha vários desses adolescentes envolvidos com grupos e vejo que isso é verdade. Não só jovens, mas também crianças. A participação desses meninos nos grupos acontece na internet e também nas escolas. É uma situação triste”, disse o conselheiro.

Polícia diz que monitora perfis
Em 2013, quando frequentes protestos foram realizados em todo o país e na Paraíba, muitos grupos utilizaram as redes sociais para organizar os movimentos. Para tentar prevenir atos de violência durante as mobilizações, a Polícia Militar (PM) fez o monitoramento virtual de alguns grupos e perfis. Segundo o coordenador de comunicação da PM, major Cristóvam Lucas, esse trabalho é constante e quando há informações relevantes, o material é encaminhado à Polícia Civil do Estado.

“A gente fica observando essas postagens e se houver informação concreta, passamos para a Polícia Civil. Além de a nossa equipe de comunicação estar inserida nas redes sociais, também temos outras coordenações nesses espaços”, explicou o major, acrescentando ainda que, no ano passado, quando foram realizados protestos, a página da PM no Facebook ganhou mais de dez mil seguidores.

A Secretaria Estadual de Segurança e Defesa Social (Seds) também possui uma equipe de monitoramento nas redes sociais. De acordo com o delegado-geral adjunto, Isaías Gualberto, “a Polícia Civil faz o monitoramento na internet e, se houver indícios de fatos investigados nas redes sociais, há uma investigação”.

Para que a Segurança Pública possa localizar alguma conta na internet há casos em que é necessário autorização judicial, uma vez que os espaços virtuais não disponibilizam os dados das contas cadastradas. “Se há uma suspeita da Polícia a respeito do conteúdo postado por determinado perfil ou grupo para descobrir a veracidade do fato, a segurança deve solicitar através da Justiça”, explicou a MBA em Marketing Digital Tânia Lacerda.

A especialista orientou as equipes da Polícia Militar a fazer o monitoramento das redes sociais em 2013, durante o período de frequentes protestos que ocorreram no Estado. Segundo ela, as investigações partiram a partir do material postado em grupos abertos e de acesso público. “Através dos perfis públicos e dos grupos, nós localizamos as pessoas que estavam postando os conteúdos e a investigação foi feita a partir disso”, disse.

Fonte: Jornal da Paraiba

Dilma cresce e Marina cai na Paraíba, revela Ibope

Pesquisa Ibope para presidente da República mostra que na Paraíba a candidata do PT, Dilma Rousseff, lidera com 53% das intenções de voto. Ela tem mais que o dobro da candidata do PSB, Marina Silva, que aparece com 24%, uma diferença de 29 pontos. Em terceiro lugar vem o candidato do PSDB, Aécio Neves, com 11% das intenções de voto. Ele tinha 8% na pesquisa anterior. Pastor Everaldo, que tem como vice o paraibano Leonardo Gadelha, tem 1%. Os outros candidatos juntos somam 1%. Os votos brancos e nulos somam 5% e não sabem ou não responderam 5%.

Dilma cresceu em comparação com os números da pesquisa Ibope divulgados no dia 3 de setembro. Ela contava com 46% contra 33% de Marina, uma vantagem numérica de 13 pontos. Já Aécio subiu três pontos, em comparação com a pesquisa anterior, que dava a ele 8% das intenções de votos. Na Paraíba, a candidata do PT tem pedido voto no guia eleitoral para o senador Vital do Rêgo, candidato do PMDB ao governo do Estado. O partido da presidente está coligado com o PSB, do governador Ricardo Coutinho.

O Ibope realizou o levantamento no período de 16 a 18 de setembro. A margem de erro estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerado a margem de erro.

A pesquisa foi contratada pelas TVs Cabo Branco e Paraíba e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB), sob o protocolo nº PB-00029/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob o protocolo nº BR-00684/2014. Foram ouvidos pelo Ibope 812 eleitores.

Saiba Mais
O Ibope também avaliou a rejeição dos candidatos que disputam a Presidência da República. De acordo com o levantamento, a candidata Marina Silva lidera com 27% das intenções de voto. Em seguida vem a presidente Dilma Rousseff, com 22% de rejeição. A pesquisa aponta Aécio na terceira posição com 19%.
Os outros candidatos apresentaram as seguintes taxas de rejeição: Pastor Everaldo (13%), Zé Maria (13%), Levy Fidelix (12%), Eymael (10%), Luciana Genro (9%), Mauro Iasi (9%), Rui Costa Pimenta (9%), Eduardo Jorge (9%). Os que poderiam votar em todos os candidatos somam 11% e os que não sabem ou não responderam totalizam 14%.

Fonte: Lenilson Guedes-Jornal da Paraiba

Presidente do TJ da Paraíba anuncia concurso com 64 vagas para juiz

A presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ), desembargadora Fátima Bezerra Cavalcanti, anunciou na última sexta-feira (19/09) que o TJ está preparando um concurso público para o preenchimento de 64 vagas para juiz. A declaração foi dada durante a solenidade de abertura do Seminário Justiça e Democracia – Perspectivas de efetividade, que acontece no Espaço Cultural, em João Pessoa.

A previsão da desembargadora é de que o edital seja lançado em 30 dias. Segundo ela, o objetivo é “suprir a deficiência de pessoal”. “A partir do momento em que suprirmos essas vagas nas comarcas, poderemos atender às demandas das comarcas e temos a certeza de que Justiça trabalhará mais célere”, declarou.

Fátima Bezerra ressaltou que a Justiça paraibana está esforçando-se para cumprir todas as metas do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). “Se, não integralmente, por conta da deficiência de pessoal, de infraestrutura, porque nós temos um tribunal pequeno, que necessita de mais servidores e recursos, mas dentro de nossas condições. E temos certeza de que vamos crescer”, afirmou.

Fonte: G1PB

Mais de 140 mil paraibanos não têm acesso a saneamento básico no estado, aponta IBGE

saneamento-basico1Mais de 140 mil pessoas ainda não têm acesso ao esgotamento sanitário na Paraíba. É o que revela a PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), divulgada nessa quinta-feira (18/09), pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). De acordo com os dados do órgão, em 2013, 143 mil moradores não tinham acesso ao serviço no estado, o que representa 3,64% do total de habitantes. Em 2012, 169 mil não possuíam nenhum tipo de ligação com a rede coletora de resíduos.

Apesar da pequena redução, os números são preocupantes já que a falta de saneamento pode gerar vários tipos de doenças na população como diarreia (principalmente entre as crianças), leptospirose, poliomielite, cólera, dengue, esquistossomose, disenterias, hepatites e verminoses, entre outras.

O levantamento do IBGE mostrou que em 2012, três milhões e 684 mil paraibanos ou 95,61% da população tinham algum tipo de esgotamento sanitário. Em 2013, a situação melhorou um pouco com a inclusão de mais 89 mil pessoas ao serviço. Agora, são três milhões e 773 mil.

Com relação aos domicílios atendidos pelo esgotamento sanitário, o total em 2012 era de um milhão e 130 mil moradias. No ano passado, houve uma pequena melhora com o número passando para um milhão e 168 mil habitações com o serviço. Já as residências sem o esgotamento caiu de 51 mil em 2012 para 46 mil em 2013.

O número de moradores atendidos pela rede coletora de esgoto – que são as tubulações que recebem os esgotos gerados nas residências – em 2013 era de um milhão e 985 mil habitantes, o que representa 50,7% da população do estado. Com relação aos domicílios, em 2013, 630 mil tinham acesso à rede de coleta ou 51,88% do total de moradias.

Fonte: Blog do Gordinho

Sobrinho de Cícero, ex-deputado Fabiano Lucena anuncia apoio à reeleição de Ricardo

Sobrinho de Cícero, ex-deputado Fabiano Lucena anuncia apoio à reeleição de Ricardo Na reta final da campanha, o governador Ricardo Coutinho (PSB) segue contabilizando novas adesões ao seu projeto reeleição. Neste domingo (21/09), foi a vez do ex-deputado Fabiano Lucena, que utilizou as redes sociais para anunciar apoio à candidatura do socialista. Ele é sobrinho do senador Cícero Lucena (PSDB) e foi secretário de Juventude, Esportes e Lazer na gestão do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB).

Para justificar seu apoio à reeleição de Ricardo, Fabiano Lucena elencou uma série de motivos e fez comparações entre as gestões do atual governador e a de Cássio. “As obras se multiplicaram pelo Estado e, especialmente, em João Pessoa. Comparar o que foi feito na Capital pelos dois governos é como o jogo Brasil x Alemanha: 7 x1. Isso é sonoro. Não tem como passar despercebido”, sentenciou o ex-deputado.

Fabiano Lucena ainda destacou a coragem que o governador Ricardo Coutinho teve para quebrar paradigmas e imprimir um modelo  de gestão mais técnica na máquina pública. “Foi Ricardo quem quebrou paradigmas e fez os enfrentamentos necessários para que a Paraíba resgatasse a capacidade de fazer investimentos. Um governo mais técnico que não deu asas ao fisiologismo”, enfatizou.

“O verdadeiro líder é aquele que tem a coragem de indicar os caminhos. Da nossa conversa, João Pessoa ganhou um parque. Jamais me arrependerei desse apoio", concluiu o ex-deputado.

Confira abaixo à íntegra do que foi postado por Fabiano Lucena nas redes sociais. 
Toda eleição tem um sentimento. Algo que une a maioria dos eleitores e vira consciência coletiva. O que pude extrair das conversas de rua, da fila do banco ao cafezinho do shopping, pode ser sintetizado em uma frase com duas afirmações. "Ricardo governou melhor mas é chato". Cada dia que passa, essa ideia se cristaliza na cabeça do eleitor e é muito forte. Qual das duas afirmações pesará na hora do eleitor decidir. Melhor. Chato. Eu decido pela primeira. Governar bem e, nesse caso, MELHOR que o antecessor é a maior demonstração de respeito que um governante pode dar ao seu povo. Cássio e Ricardo são grandes líderes. Tiveram a oportunidade de governar mas foi Ricardo quem quebrou paradigmas e fez os enfrentamentos necessários para que a Paraíba resgatasse a capacidade de fazer investimentos. Um governo mais técnico que não deu asas ao fisiologismo. Isso gerou um desgaste de sua imagem com setores organizados e com a classe política. Daí vem a pecha de chato. O tempo mostrou que ele tinha razão. E os políticos não tiveram capacidade de compreender os caminhos que ele apontou. As obras se multiplicaram pelo Estado e, especialmente, em João Pessoa. Comparar o que foi feito na Capital pelos dois governos é como o jogo Brasil x Alemanha: 7 x1. Isso é sonoro. Não tem como passar despercebido. O verdadeiro líder é aquele que tem a coragem de indicar os caminhos. Da nossa conversa, João Pessoa ganhou um Parque. Jamais me arrependerei desse apoio.

Fonte: Ascom

Primeira dama Pâmela Bório quebra silêncio, posta desabafo sobre invasão de privacidade e revela existência de escutas na Granja Santana

Após ter o nome envolvido em mais uma polêmica, a primeira dama do Governo da Paraíba, jornalista Pâmela Bório resolveu usar a sua conta no instagran, neste sábado (20/09), para quebrar o silêncio sobre o propagado vídeo de uma discussão familiar entre ela e o marido, o governador Ricardo Coutinho (PSB), que disputa à reeleição.

O desabafo aconteceu logo após que uma revista de repercussão nacional publicou uma nota sobre o famoso vídeo e, ainda por cima, apontou a primeira dama como a principal suspeita de ter divulgado a discussão com o marido.

Diz a nota: “A mulher do governador e candidato à reeleição Ricardo Coutinho é apontada como suspeita de tramar contra o próprio marido por ter divulgado uma gravação de um perrengue entre os dois”.

Indignada, Pâmela se disse estarrecida com a exploração de um episódio familiar e adianta que as providencias judiciais já foram tomadas, para que os que invadiram sua privacidade sejam punidos.

O desabafo gerou várias curtidas e comentários. Ela lembra que há câmeras por toda parte da casa, mas em uma das respostas, no entanto, Pâmela revela que foram flagradas escutas no criado mudo da Granja Santana, fato que até agora ainda não havia sido divulgado.

Após a revelação, ela volta a alertar que as providências já foram tomadas e que os responsáveis irão responder judicialmente. 

Só vim falar agora porque não aguento tanta sordidez, em que nos deslocam da nossa condição de vitima. Mas já tinha dado entrada na justiça para saber do vazamento do vídeo”, postou ela.

CONFIRA A POSTAGEM NO INSTAGRAM, NA ÍNTEGRA
Estarrecida com um cenário eleitoreiro perverso, venho a público expressar minha profunda indignação pela tamanha maledicência com que têm nos golpeado. Sim, acima de posicionamentos partidários, o que está em questão é o desrespeito, principalmente, a uma instituição que representa a base social: a família. 

Estou aqui movida por uma perplexidade inexplicável e instigada pelo mais profundo sentimento de injustiça diante de tantos fatos graves que têm acontecido na busca desenfreada pelo poder, entre eles, a infâmia e o atentado violento à privacidade, um direito salvaguardado pela Constituição. 

Com muita dificuldade, tentei manter certo distanciamento dos embates entre os candidatos às eleições a fim de me preservar enquanto cidadã e jornalista, tendo mantido o foco no desempenho dos meus misteres, incluindo o voluntariado ou os trabalhos na função de primeira-dama do Estado. Mas não pude continuar alheia às questões políticas em que fui inserida e ainda envolveram o nosso filho, numa ação orquestrada com uso de calúnias ou de assuntos estritamente pessoais em campanha eleitoral. 

A quem pode interessar criar ou expor crise familiar de forma indiscriminada? A resposta é óbvia. Se o objetivo foi desviar de uma repercussão anterior, provou-se apenas que não medem esforços para atingir determinado fim, utilizando até meios sórdidos como a divulgação de mídia privada. 

A quem pode interessar a criação de factóides sem qualquer consistência lógica? Como e quem pode ser responsabilizado? Ser fonte pagadora de blogueiros e colunistas que disseminaram a maldade já comprova a intenção da ação vil, que ainda possui o agravante de deslocar a vítima à condição de algoz num desvirtuamento da verdade e numa atitude covarde ao se aproveitar desse tipo de situação, demonstrando ausência de qualquer sentimento de comiseração. 

Independente de motivações, trata-se de prática reprovável em todos os contextos, uma subestimação ao senso crítico comum, à inteligência coletiva. Assim, tendo em vista os últimos acontecimentos, processos judiciais, cíveis e criminais estão sendo movidos para que todos os responsáveis pelas injúrias sejam punidos por cada violação de direito constitucional.

Fonte: PB Agora

Confira a estatística do Eleitorado de VÁRZEA

No dia 05 de outubro deste ano cerca 142.467.862 de brasileiros deverão estar se dirigindo às urnas para escolherem seus representantes nas esferas Estadual e Federal.

Conforme dados do IBGE, o município de Várzea conta com uma população de 2.709 habitantes (estimativa 2013) e de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o eleitorado de 2014 ficou em 2.361.

O município de Várzea pertence a 26ª Zona Eleitoral (Santa Luzia).

No site do TSE existem várias informações interessantes a respeita do eleitorado brasileiro, e o BLOG JEFTE NEWS selecionou todos os dados referentes ao município de Várzea.

Confira abaixo:
DISTRIBUIÇÃO POR ESTADO CIVIL

DISTRIBUIÇÃO POR ESTADO CIVIL / SEXO

DISTRIBUIÇÃO POR GRAU DE INSTRUÇÃO

DISTRIBUIÇÃO POR GRAU DE INSTRUÇÃO/SEXO

DISTRIBUIÇÃO POR FAIXA ETÁRIA

DISTRIBUIÇÃO POR FAIXA ETÁRIA/SEXO

FONTE: BLOG JEFTE NEWS
 
BLOG - JEFTE NEWS 2013
Blog Filiado a Rede Sertão-PB